Futurarte participa da 26ª Feira Nacional de Artesanato no Expominas

Futurarte expõe diversos produtos no stand 315, na rua M

A Cooperativa de Artesanato Futurarte, apoiada pela Instituição Social Ramacrisna, vai participar de 01 a 06 de dezembro, no Expominas, em Belo Horizonte, da 26ª Feira de Artesanato, que tem como tema “Do Bronze ao ouro, do suor a superação, a alegria de um Brasil feito à mão”. Considerada a maior feira do gênero na América Latina, a FNA é uma ótima oportunidade para os artesãos realizarem vendas e fazerem contatos, além de participarem de consultorias voltadas ao empreendedorismo visando auxiliar no seu crescimento profissional. Através de um estande, que ficará na rua M, 315, a Futurarte vai expor diversos tipos de produtos como acessórios, material de escritório, decoração e os novos lançamentos de bolsas e carteiras. O evento é aberto ao público a partir do dia 02. A entrada custa R$ 10,00.

Com uma coleção de verão feita exclusiva para a Feira, a Futurarte irá lançar novos produtos como bolsas, carteiras, acessórios, material de decoração e escritório, tudo produzido pelas mulheres moradoras da zona rural de Betim, a partir da reutilização de materiais como jornais, revistas, banner, saco de cimento e plástico.

Serviço:
Futurarte participa da 26ª Feira Nacional de Artesanato no Expominas
Horário de Funcionamento:
Dia 01/12 (terça-feira): de 12h às 22h (aberto somente para lojistas)
Dia 02/12 (quarta-feira): de 14h às 22h
Dia 03/12 (quinta-feira): de 14h às 22h
Dia 04/12 (sexta-feira): de 14h às 22h
Dia 05/12 (sábado): de 10h às 22h
Dia 06/12 (domingo): de 10h às 21h
Local: Av. Amazonas, 6200 – Gameleira, Belo Horizonte – MG
Ingressos: R$ 10,00

Sobre a Futurarte
A Cooperativa Futurarte foi criada em julho de 2004 pela Instituição Social Ramacrisna, com patrocínio da Petrobras. Tem como objetivo gerar trabalho e renda para mulheres da zona rural de Betim a partir da produção e comercialização de produtos artesanais sustentáveis. A produção prioriza o reaproveitamento de materiais como: jornais, sacos de cimento, banners e retalhos de tecidos, e surpreende pela qualidade e design das peças. Em junho de 2007, uma de suas bolsas foi premiada no concurso de design FORM 2007, da Feira TendenceLifestyle, na categoria “Solução Inovadora”, realizada em Frankfurt, na Alemanha. A peça foi escolhida entre 117 concorrentes de 16 países. Em 2008, a Futurarte recebeu o Selo de Qualidade IQS (Instituto Qualidade Sustentável), e, em 2009, 2011 e 2012 foi selecionada pelo SEBRAE para o Prêmio Sebrae Top 100, juntamente com as cem melhores unidades produtivas de artesanato do país. Em 2012, criou e confeccionou chapéus em papel jornal para o desfile de abertura do Minas Trend Preview Primavera Verão 2013. A crítica considerou as peças como esculturas e obras de arte. Em 2013, através do investimento do Banco do Brasil e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), foi possível a construção de sua sede própria, que tem como madrinha, a atriz e apresentadora, Elke Maravilha.

Ramacrisna

Promovendo sonhos e transformando vidas.

LEIA TAMBÉM

BAIXE O MANUAL GRÁTIS

VEJA AS VANTAGENS E BENEFÍCIOS
CLIQUE AQUI E CONHEÇA O FIA