O Ministério da Cultura e o Banco do Brasil apresentam a exposição Futurarte “Tecendo sonhos, transformando vidas” de 2 a 28 de dezembro no CCBB BH

A exposição fica aberta para visitação de quarta a segunda de 9h às 21h

O Ministério da Cultura e o Banco do Brasil apresentam a exposição Futurarte:Tecendo sonhos, transformando vidas”, que será lançada no dia 2 de dezembro, às 19h, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB). Apresentando uma proposta inovadora, com soluções em design e decoração, a Futurarte desenvolveu um espaço conceito, com ambientes que são ao mesmo tempo bonitos, inovadores, exclusivos e sustentáveis. Luminárias, divisórias, forração de paredes, vasos, flores, souplats, bandejas, poufs e tapetes, tudo produzido a partir do reaproveitamento de jornal, saco de cimento e banner, compõe um belíssimo ambiente com texturas, formas e cores diversas.

Quem passar pela exposição vai poder visitar, conhecer e se surpreender com as obras de artes feitas com muita criatividade pelas mulheres da zona rural de Betim. Segundo a vice-presidente da Ramacrisna, Solange Bottaro, a escolha do tema da exposição “Tecendo sonhos, transformando vidas” foi pensada em dois pilares. “Tecendo sonhos” são as mãos das artesãs mineiras manuseando o tear, desenvolvendo peças, criando objetos com muitas cores que encantam, enfeitam e dão charme aos ambientes, a partir da produção de produtos artesanais sustentáveis. “Transformando vidas” faz parte da missão da Ramacrisna, de promover o empoderamento das mulheres-mães, moradoras da região rural de Betim, através da geração de renda, proporcionando-lhes uma vida com mais dignidade.

Futurarte

Sobre a Futurarte
A Cooperativa Futurarte foi criada em julho de 2004 pela Instituição Social Ramacrisna, com patrocínio da Petrobras. Tem como objetivo gerar trabalho e renda para mulheres da zona rural de Betim a partir da produção e comercialização de produtos artesanais sustentáveis. A produção prioriza o reaproveitamento de materiais como: jornais, sacos de cimento, banners e retalhos de tecidos, e surpreende pela qualidade e design das peças. Em junho de 2007, uma de suas bolsas foi premiada no concurso de design FORM 2007, da Feira TendenceLifestyle, na categoria “Solução Inovadora”, realizada em Frankfurt, na Alemanha. A peça foi escolhida entre 117 concorrentes de 16 países. Em 2008, a Futurarte recebeu o Selo de Qualidade IQS (Instituto Qualidade Sustentável), e, em 2009, 2011 e 2012 foi selecionada pelo SEBRAE para o Prêmio Sebrae Top 100, juntamente com as cem melhores unidades produtivas de artesanato do país. Em 2012, criou e confeccionou chapéus em papel jornal para o desfile de abertura do Minas Trend Preview Primavera Verão 2013. A crítica considerou as peças como esculturas e obras de arte. Em 2013, através do investimento do Banco do Brasil e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), foi possível a construção de sua sede própria, que tem como madrinha, a atriz e apresentadora, Elke Maravilha.

Sobre a Ramacrisna
Criada pelo jornalista paraibano Arlindo Corrêa da Silva, a Ramacrisna desenvolve, há 56 anos, projetos culturais, educacionais, profissionalizantes, de lazer, entre outros, voltados para comunidade em situação de vulnerabilidade social de Betim e 8 cidades do entorno. O nome da instituição veio do filósofo indiano Sri Ramakrishna, ecumenista que viveu no século 19 e pregava o trabalho social como forma de transformação do ser humano. Ela se tornou conhecida em todo o Brasil como instituição do Terceiro Setor referência em projetos de autossustentabilidade por possuir uma Fábrica de Telas de Arame e uma unidade para comercialização em Belo Horizonte. O lucro obtido com as vendas é destinado ao setor social da Ramacrisna, garantindo mais autonomia e uniformidade no atendimento às pessoas amparadas pelos projetos. Visando potencializar as estratégias de gestão da instituição, em 2008, uniu-se a FDC – Fundação Dom Cabral, que está entre as melhores escolas de negócios do mundo pelo ranking da Financial Times. A Ramacrisna ainda coleciona, desde sua fundação, diversas renomadas premiações, como o Prêmio Mineiro de Excelência da Gestão das Entidades do Terceiro Setor, promovido pela SEPLAG – Secretaria de Planejamento e Gestão de MG e o 1º lugar do Prêmio Objetivos de Desenvolvimento do Milênio – Educação de Qualidade para todos do Governo de Minas. Somente em 2014, a instituição atendeu 132.015 pessoas em sua sede e em parceria com o Poder Público.

Serviço:
Exposição Futurarte “Tecendo sonhos, transformando vidas”
Data: 02/12 a 28/12 – De quarta a segunda
Horário: 9h às 21h
Local: Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) – Galeria do Térreo – Praça da Liberdade, 450, Funcionários, Belo Horizonte (MG)
 

Ramacrisna

Promovendo sonhos e transformando vidas.

LEIA TAMBÉM

Manual sobre a Lei da Aprendizagem!

VEJA AS VANTAGENS E BENEFÍCIOS
CLIQUE AQUI E CONHEÇA O FIA